O terrorista “queridinho” da esquerda brasileira, finalmente recebe a extradição do governo brasileiro

Está chegando ao fim a fuga de Cesare Battisti da Justiça italiana: o juiz do Supremo Tribunal Federal (STF) Luis Fux ordenou a prisão do terrorista, o ex-membro da Pac (Proletari Armati per il Comunismo) na Itália solicitou sua extradição para que desconta prisão perpétua. A notícia foi divulgada pela TV brasileira. Battisti vive no Brasil desde 2010, quando obteve permissão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para permanecer no país. Atrás do turno, o novo presidente da República, Jair Bolsonaro , que tem o poder de rever o ato ou decidir se vai entregar Battisti para a Itália. A prisão do terrorista foi solicitada pela Procuradoria Geral do Brasil, Raquel Dodge., para “evitar o risco de fuga e garantir uma possível extradição”, de acordo com um comunicado divulgado pelo Ministério Público.
O presidente Michel Temer assinou na tarde desta sexta-feira (14) o decreto de extradição do ex-ativista italiano Cesare Battisti, segundo informou o Palácio do Planalto.
Battisti foi condenado na Itália por quatro assassinatos entre os anos de 1977 e 1979, quando integrava o grupo guerrilheiro PAC (Proletários Armados pelo Comunismo). Na Itália, Battisti foi condenado à prisão perpétua. O italiano fugiu e, em 2004, veio para o Brasil. Ele foi preso no Brasil em 2007. Em 2009, o STF autorizou sua extradição, mas afirmou que a decisão final sobre entregá-lo ou não ao governo da Itália cabia ao presidente da República. Em seu último dia de governo, em 2010, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) negou a extradição de Battisti.
Sob o governo Temer, o Ministério da Justiça abriu um processo para reavaliar a extradição de Battisti. A defesa do italiano recorreu ao STF e Fux concedeu uma liminar (decisão provisória) impedindo sua extradição até que o Supremo analisasse novamente o caso. Agora, Fux revogou a própria decisão, de outubro de 2017, que impedia a extradição e determinou a prisão do italiano.
A defesa afirma que a decisão do ex-presidente Lula de negar a extradição não poderia ser modificada pelos presidentes subsequentes, sob risco de ofender o “princípio da segurança jurídica”. Os advogados de Battisti dizem ainda que ele tem um filho brasileiro menor de idade que depende dele economicamente, o que deveria ser levado em consideração para impedir a extradição. A extradição de Battisti era uma das promessas de campanha do presidente eleito, Jair Bolsonaro, tendo sido elogiada pelo ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, que pertence a um partido de direita no país. Nesta sexta, Bolsonaro voltou a enfatizar que tomaria a decisão pela extradição caso Temer não o fizesse.

Agentes italianos já estão no Brasil para conduzir Battisti até a Itália

Agentes italianos chegaram ao Brasil prontos para levar o terrorista Cesare Battisti para a Itália. Battisti é fugitivo após o sinal verde para a extradição concedida pelo presidente Michel Temer na noite de ontem.
Jair Bolsonaro, escreveu em sua conta pessoal do Twitter (14/12), um agradecimento ao ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, a respeito do italiano foragido Cesare Battisti.

Em italiano e em português, Bolsonaro agradeceu a “consideração de sempre” de Salvini. “Que tudo seja normalizado brevemente no caso deste terrorista assassino defendido pelos companheiros de ideais brasileiros! Conte conosco!”.

Mais cedo hoje, Salvini escreveu na rede social que um foragido que “goza da vida nas praias do Brasil, na cara das vítimas, me deixa com raiva! Faço grande mérito ao presidente Jair Bolsonaro que ajudará a Itália a fazer justiça, ‘presenteando’ a Battisti um futuro em sua terra natal”.
Battisti foi considerado foragido pela Polícia Federal nesta sexta-feira após o ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, ter feito um pedido de prisão nesta quinta, 13. A Itália pede a extradição do criminoso desde 2007, negada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2010. Desde a campanha eleitoral, Bolsonaro promete a captura e extradição de Battisti à Itália

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.