O Observatório Latino de hoje faz um balanço dos últimos fatos acontecidos na Venezuela desde a última sexta-feira, onde a violência criminal do regime ilegítimo do ditador Nicolás Maduro mostrou despudoradamente todo o horror praticado pelo comunismo, ao negar a entrada no país de ajuda humanitária vindas desde o Brasil, Colômbia e Estados Unidos.

Traz ainda um informe sobre o pseudo-referendo cubano sobre a “nova” Constituição, e um chamado do ditador Raúl Castro ao Foro de São Paulo para defender o genocídio de Nicolás Maduro sobre seu próprio povo.